Ar de rock

Os Ar de Rock são várias gerações juntas com um sentir comum, acreditando firmemente numa causa – a da música portuguesa!

Fernando Cunha é um veterano dos palcos, com projectos como os Delfins ou os Resistência a terem-lhe servido de passaporte para ver o mundo ligado a um amplificador ou encostado a um microfone.

Agora, é com os Ar de Rock que celebra essa vida feita de rock e de canções. Depois de uma estreia com um disco que se fez precisamente em cima do palco, os Ar de Rock estão de volta com Mudam-se os Tempos, um álbum onde a identidade Ar de Rock se impõe num reportório que se volta a fazer de tesouros da memória da música portuguesa tão distintos como “Budapeste” dos Mão Morta ou “Pastor” dos Madredeus. Apesar da variedade de propostas – onde se inclue até um original – o que emerge no novo trabalho é o distinto som dos Ar de Rock, um som que resulta do cruzamento invulgar de talentos no mesmo espaço. É que nos Ar de Rock juntam-se músicos que têm currículos ligados aos Delfins e Resistência, mas também aos Pólo Norte, Ritual Tejo, Sérgio Godinho, João Pedro Pais, LX 90, Ravel e Rádio Macau. Muitas sonoridades, muitas atitudes, mas uma mesma paixão pela música portuguesa. E essa paixão é o grande motor dos Ar de Rock em palco. Essa paixão e canções que fizeram carreira nos palcos pisados por bandas como os Xutos & Pontapés, Heróis do Mar, Delfins ou por músicos como Rui Veloso. É toda essa música que cabe dentro dos Ar de Rock!

Os AR DE ROCK são:

Fernando Cunha (Delfins,
Resistência) Voz e Guitarras
Paulo Costa (Ritual Tejo) Voz
João Gomes (LX 90, Kick Out the Jams) Sintetizadores
Emanuel Ramalho (Delfins, Radio Macau, Faíscas) Bateria
Miguel Magic (Polo Norte) Baixo eléctrico
Luiz Arantes (João Pedro Pais) Guitarra eléctrica   TOOOOOOOOOOOOOOOOO

Ouvir

Voltar ao Topo ↑

Vídeo

Voltar ao Topo ↑

Tour

Saiba mais sobre a Tour “Mudam-se os Tempos“

Voltar ao Topo ↑