Pablo Milanés : esencia

A UGURU lamenta informar que devido aos constrangimentos causados pela pandemia COVID -19, nomeadamente no que toca às novas regras sobre a lotação das salas, o concerto de Pablo Milanés agendado para este ano está adiado para 2 de dezembro 2021.

Os bilhetes já adquiridos não são válidos e terão que ser trocados no período exclusivo para trocas: entre 20 de Outubro e16 de novembro. Em breve serão postos à venda novos bilhetes nos pontos de venda Ticket Line e Centro Cultural de Belém

Para a troca dos mesmos deverá:

– bilhetes adquiridos em www.ticketline.pt: o cliente é contactado pela Ticket Line, recebendo os novos bilhetes via e-mail

– bilhetes adquiridos em pontos de venda físicos Ticket Line (Salas de espetáculo, FNAC, Worten, Abep, etc.): a troca é efetuada diretamente no local de compra.

Mais uma vez lamentamos o transtorno que esta situação possa causar, mas estamos a fazer os possíveis para que os fãs dos nossos artistas possam desfrutar dos concertos nas melhores condições e sempre em segurança.

________________________________________________

O maestro da “trova nova”, Pablo Milanés, um dos maiores tesouros da canção de autor em espanhol, vem a Portugal para apresentar Esencia, o seu mais recente espetáculo. Acompanhado por Ivonne Téllez ao piano e Caridad R. Varona no violoncelo, o artista cubano propõe um recital que viajará pela sua ampla carreira que se estende já por seis décadas.

Milanés foi um dos renovadores da canção cubana e navegou por muitas águas, revelando sempre ser um artista irrequieto, tão atento á tradição como aberto à experimentação e graças a essa altamente criativa postura conquistou o aplauso da crítica e do público internacionais: gravou nueva canción e boleros, jazz e rumbas, son e tanto mais, legando à história importantes obras como “El Breve Espacio“, “Para Vivir“, “Yolanda“, “Ya Ves” e tantas outras, sinónimos de refinamento de uma arte que levou com enorme sucesso a todos os continentes.

O seu concerto passará por esses marcos de carreira, mas também por preciosidades menos conhecidas, verdadeiras pérolas de uma imensa discografia que se espraia por dezenas de álbuns, o mais recente dos quais, Amor, lançado em conjunto com a sua filha, Haydée Milanés, em 2017.

Homenageado com Grammy Latino em 2005 e um Grammy de Excelência Musical em 2015, este trovador nunca deixou de procurar desafiar-se: gravou um álbum de standards de jazz em inglês e tem vindo a preparar uma revisitação de alguns marcos da sua carreira em tons salsa com alguns músicos expoentes do género, prova do carácter universal da sua arte. Matéria mais do que suficiente para uma noite absolutamente imperdível.